logo

slogan

ufscar

Cadastre-se e receba as novidades sobre a Agência Inovação da UFSCar por e-mail
parceiros_top

failogopequeno

 

fortec

 

inpi

 

parceiros_bottom

Redes Sociais

face twitter youtube

Universidades e SBPC-SC pedem maior valorização da ciência

Qua, 10 de Abril de 2019 09:28

 

O enfraquecimento da Fundação de Amparo à Pesquisa e Inovação do Estado de Santa Catarina (Fapesc) foi destacado pelos participantes

 

Pesquisadores da FURB, UFSC, UDESC, UNIDAVI, UNIFEBE e SENAI estiveram reunidos na quarta-feira, dia 3 de abril, no auditório da Biblioteca Universitária da FURB, com o secretário regional da Sociedade Brasileira para o Progresso da Ciência (SBPC-SC), André Ramos (professor de Genética da UFSC) e o secretário adjunto Luiz Claudio Miletti (professor de Bioquímica da Udesc de Lages) para unir esforços em defesa da ciência em Santa Catarina. Foi a primeira reunião aberta da entidade no Vale do Itajaí.

 

Para sensibilizar os presentes quanto à necessidade de um reposicionamento estadual, Ramos lembrou que enquanto a arrecadação em SC registrou alta entre 2014 a 2017 e os gastos com Judiciário cresceram 22%, com o Legislativo 5% e com Publicidade 28%, na área de Ciência e Tecnologia o que se teve foi queda de mais de 30%.

 

O enfraquecimento da Fundação de Amparo à Pesquisa e Inovação do Estado de Santa Catarina (Fapesc) foi destacado pelos participantes, contrariados com a possibilidade de políticas governamentais envolverem as verbas públicas de ciência e tecnologia no âmbito de rubricas de aquisição de equipamentos tecnológicos para setores que não são envolvidos com produção e difusão científica.

 

A SBPC vem realizando reuniões abertas em todo o estado e já passou por Florianópolis, Lages, Chapecó, Criciúma, finalizando a discussão em Blumenau. O pró-reitor de Pesquisa e Extensão, da FURB, Oklinger Mantovanelli destacou o papel da FURB como mobilizadora de atores regionais para o desenvolvimento científico. “O Vale do Itajaí mostrou força política, científica e educacional numa das reuniões mais representativas realizadas até o momento em todo o estado de SC pela SBPC”, manifestou a entidade em seu Facebook.

 

Fundada em 1948, a SBPC é a entidade científica de maior representatividade no Brasil, congregando 142 sociedades científicas de todas as áreas do conhecimento. O secretário André Ramos mostrou-se preocupado com “a situação trágica” enfrentada pela ciência brasileira, devido aos recursos orçamentários bloqueados pelo Governo Federal. O risco de desmonte da ciência e tecnologia nacional é a principal preocupação dos pesquisadores.

 

Os representantes da entidade convidaram os participantes para a 71ª reunião anual da SBPC, que acontecerá de 21 a 27 de julho na Universidade de Mato Grosso do Sul. André Ramos informou que a sociedade produzirá um selo comemorativo sobre Fritz Mueller, o naturalista teuto-brasileiro que se dedicou a suas pesquisas em Blumenau, tendo sido parceiro de Charles Darwin.

 

Ramos destacou ainda a importância do Conselho Estadual de Ciência, Tecnologia e Inovação (Conciti) como órgão colegiado com representações da sociedade para elaborar as políticas públicas a serem sugeridas ao Governo do Estado. Defendeu a participação de empresas e sindicatos, além das universidades, no movimento em defesa da ciência. Pediu valorização à SBPC por realizar o maior evento científico do país, sempre buscando aperfeiçoar o sistema nacional de ciência e tecnologia com sua inovação e popularização.

 

A SBPC compartilha suas realizações por meio da Revista Ciência & Cultura, pelo Jornal da Ciência e pelo JC online, que pode ser solicitado por e-mail por qualquer pessoa interessada. Os contatos também podem ser feitos pelo Facebook e Instagram.

 

A FURB TV acompanhou a reunião. Veja o vídeo aqui.

 

Furb

 

Fonte: Jornal da Ciência, 9 de Abril de 2019

 
free poker
logo_rodape
Agência de Inovação da UFSCar - Rodovia Washington Luís, km 235 - Caixa Postal 147 CEP: 13565-905
São Carlos, SP - Brasil - Tel: (16) 3351.9040 - inovacao@ufscar.brmaps
mapa