logo

slogan

ufscar

Cadastre-se e receba as novidades sobre a Agência Inovação da UFSCar por e-mail
parceiros_top

failogopequeno

 

fortec

 

inpi

 

parceiros_bottom

Redes Sociais

face twitter youtube

Inma completa 5 anos com ações de conservação da biodiversidade na Mata Atlântica

Qua, 06 de Fevereiro de 2019 10:54

O Instituto Nacional da Mata Atlântica amplia o conhecimento científico sobre o bioma e preservação de acervos biológicos e históricos.

 

O Instituto Nacional da Mata Atlântica completa cinco anos nesta terça-feira, 5 de fevereiro, e mantém a missão de estudar e conservar o bioma, realizando atividades de pesquisa, inovação científica e preservação de acervos biológicos e históricos, além da disseminação dos conhecimentos relacionados à Mata Atlântica. Essas ações contribuem para a conservação da biodiversidade para a melhoria da qualidade de vida da população brasileira.

 

“Todo o desenvolvimento do Inma funciona como um instrumento para consolidar o trabalho e a mensagem do naturalista Augusto Ruschi pela conservação da Mata Atlântica. São diversas parcerias com órgãos de varias localidades do país e até do exterior. É um legado para Santa Teresa e para o Espírito Santo”, destacou o diretor do instituto, Sérgio Lucena.

 

Em Santa Teresa (ES) estão as três unidades do Inma: Museu de Biologia Prof. Mello Leitão; a Estação Biológica de Santa Lúcia; e a Estação Biológica de São Lourenço, também conhecida como “Caixa D’Água”.

 

Projetos para a ciência

 

Um trabalho minucioso feito por cientistas e pesquisadores do Inma e de outras instituições brasileiras está prestes a ser concluído. Em parceria com o Instituto Estadual de Meio Ambiente e Recursos Hídricos do Espírito Santo (Iema) e a Fundação de Amparo à Pesquisa e Inovação do Espírito Santo (Fapes), o projeto “Revisão da Lista de Espécies Ameaçadas de Extinção no Espírito Santo” é uma das principais ferramentas para a avaliação da biodiversidade no estado.

 

Pesquisadores do Inma estão catalogando dados publicados sobre a fauna encontrada em unidades de conservação do Espírito Santo. Este trabalho é parte do projeto "Rede de Compartilhamento de Dados e Divulgação da Mata Atlântica no Estado do Espírito Santo", em convênio com o Fundo Estadual de Meio Ambiente (Fundema).

 

Já o Projeto de Organização e Digitalização do Acervo Augusto Ruschi entra em nova etapa neste início de 2019. Em parceria com o Museu de Astronomia e Ciências Afins (Mast), a equipe tem se empenhado em organizar milhares de documentos produzidos ou mantidos pelo naturalista, dando condições de acesso público ao conhecimento sobre a ciência produzida por Ruschi.

 

Saiba mais no site www.inma.gov.br.

 

O Inma amplia o conhecimento científico sobre a Mata Atlântica e preservação de acervos biológicos e históricos.

 

Fonte: Portal MCTIC

 

 
free poker
logo_rodape
Agência de Inovação da UFSCar - Rodovia Washington Luís, km 235 - Caixa Postal 147 CEP: 13565-905
São Carlos, SP - Brasil - Tel: (16) 3351.9040 - inovacao@ufscar.brmaps
mapa