logo

slogan

ufscar

Cadastre-se e receba as novidades sobre a Agência Inovação da UFSCar por e-mail
parceiros_top

failogopequeno

 

fortec

 

inpi

 

parceiros_bottom

Redes Sociais

face twitter youtube

Cooperação do Brasil com União Europeia pode ser ampliada

Sex, 07 de Dezembro de 2018 09:08

O potencial da parceria entre Brasil e União Europeia em CT&I foi exaltado na abertura do evento que celebra os 10 anos de cooperação entre os dois grupos. Com a presença de representantes das agências de fomento federais e estaduais brasileiras e da comunidade da União Europeia, o encontro mostra a cooperação estratégica e traça futuros caminhos no âmbito do programa Horizon 2020

 

O potencial da parceria entre Brasil e União Europeia no campo da ciência, tecnologia e inovação foi exaltado pelas autoridades presentes na abertura do evento que celebra os dez anos de cooperação internacional entre os dois grupos. Com a presença de representantes das agências de fomento federais e estaduais brasileiras e da comunidade da união europeia, o encontro acontece durante todo o dia com o objetivo de mostrar a cooperação estratégica UE-Brasil em CT&I e disseminar as oportunidades existentes no âmbito do programa europeu Horizon 2020, traçando futuros caminhos de cooperação no âmbito do programa, ainda em construção, Horizon Europe.

 

Segundo Cristina Russo, Diretora para Cooperação Internacional de Pesquisa e Inovação da Comissão Europeia, o Brasil é o segundo país com maior participação no programa Horizon 2020, com 151 projetos, mas ressaltou: “é um bom resultado, mas queremos fazer mais”. A diretora lembrou do acordo assinado em maio deste ano, em Bruxelas, entre a Comissão Europeia e o Brasil, por meio do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq), da Empresa Brasileira de Inovação e Pesquisa (Finep) e do Conselho Nacional das Fundações Estaduais de Amparo à Pesquisa (Confap), para apontar a perspectiva de ampliação da cooperação. “Quero voltar no ano que vem e anunciar que o Brasil é o primeiro país em projetos”, anunciou.

 

O presidente do CNPq, Mario Neto Borges, apontou que a internacionalização da ciência é mais que uma união de recursos financeiros. Segundo ele, é uma união de esforços que acelera o desenvolvimento científico e potencializa a produção de conhecimento. “Este é um evento histórico”, pontuou Mario Neto.

 

O intercâmbio de conhecimento promovido pela cooperação internacional também foi ressaltado pelo Secretário de Políticas e Programas de Pesquisa e Desenvolvimento, Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações, Álvaro Prata. Para ele, apoiar em boas referências e buscar exemplos bem sucedidos é o caminho para que a ciência atue cada vez mais no desenvolvimento econômico e social do país e a União Europeia é uma dessas referências positivas. “Temos a ambição de ampliar a pauta, com diferentes áreas a serem exploradas”, afirmou.

 

A presidente do Confap, Maria Zaíra Turchi celebrou a presença de representantes de 23 fundações estaduais de amparo à pesquisa (FAP) e ressaltou os esforços já realizados para o fomento de projetos das FAPs com a Comissão Europeia alinhados aos desafios globais. Turchi exemplificou essas ações com a chamada em parceria com a Water Joint Programmimg Initiative (Water JPI), com duas chamadas já lançadas em 16 FAPs envolvidas. “Este encontro confirma a intenção de continuarmos e reforçarmos a cooperação”, afirmou.

 

Estiverem presentes na abertura, ainda, Claudia Gintersdorfer, da Delegação da União Europeia no Brasil e Fernando Ribeiro, Diretor da FINEP.

 

Entre as atividades do evento está uma mesa redonda com as agências de fomento, além de apresentação dos mecanismos de cofinanciamento do Brasil e de boas práticas de cooperação no contexto do H2020.

 

Além disso, será realizado um Training Camp, que visa abordar como os esquemas brasileiros de cofinanciamento de apoio aos programas de pesquisa europeus podem se alinhar com as oportunidades de cooperação internacional oferecidas pelo programa Horizon 2020. O evento é apoiado pelo projeto H2020 Incobra, que visa orientar, aumentar e aprimorar as atividades de cooperação em atores de Pesquisa e Inovação do Brasil e da União Europeia.

 

Fonte: Jornal da Ciência, 05/12/2018, com informações CNPq

 
free poker
logo_rodape
Agência de Inovação da UFSCar - Rodovia Washington Luís, km 235 - Caixa Postal 147 CEP: 13565-905
São Carlos, SP - Brasil - Tel: (16) 3351.9040 - inovacao@ufscar.brmaps
mapa