logo

slogan

ufscar

Cadastre-se e receba as novidades sobre a Agência Inovação da UFSCar por e-mail
parceiros_top

failogopequeno

 

fortec

 

inpi

 

parceiros_bottom

Redes Sociais

face twitter youtube

Projeto CITinova lança plataforma para acelerar o desenvolvimento sustentável das cidades brasileiras

Qua, 18 de Setembro de 2019 17:32

Projeto multilateral realizado pelo Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações (MCTIC), o CITinova é financiado pelo Fundo Global para o Meio Ambiente (GEF, na sigla em inglês) com gestão da ONU Meio Ambiente.

 

A nova plataforma, uma das frentes de ação do projeto, integra o sistema web do Programa Cidades Sustentáveis, com mais funcionalidades e ferramentas, e o Observatório de Inovação para Cidades Sustentáveis (OICS), desenvolvido pelo Centro de Gestão de Estudos Estratégicos (CGEE). Os principais objetivos são oferecer conteúdo, metodologias, soluções tecnológicas e ferramentas de planejamento urbano integrado para apoiar gestores públicos, incentivar a participação social e promover cidades mais justas e sustentáveis.

 

Com participação de mais de 200 cidades e 40 países, a Conferência Catalisando Futuros Urbanos Sustentáveis reúne o 3º Encontro Anual da Plataforma Global Cidades Sustentáveis e a 2ª Conferência Internacional Cidades Sustentáveis. De 16 a 20 de setembro, na capital paulista, o evento internacional contará com palestrantes nacionais e internacionais e participantes de diversas áreas que irão, durante toda a semana, debater a importância das cidades na construção de um mundo mais sustentável.

 

Sobre o Projeto CITinova

 

Com abrangência nacional e ações específicas em Brasília e Recife, o Projeto CITinova é composto por três grandes frentes de ação:

 

Planejamento Urbano Integrado: Produção de conhecimento e ferramentas para gestão integrada de políticas públicas e participação social para a construção de cidades sustentáveis no Brasil. Acessíveis aos gestores públicos e à sociedade em geral, os novos sistemas irão apoiar, facilitar e fortalecer a governança local.

 

Projetos pilotos em Brasília e Recife: Projetos pilotos com tecnologias inovadoras, que tenham impacto e ganhem escala. Entre as várias ações, em Brasília estão ocorrendo a recuperação de nascentes e implantação de Sistemas Agroflorestais mecanizados nas bacias do Descoberto e do Paranoá; diagnóstico de contaminação e remediação do Lixão da Estrutural com biorremediação para teste de absorção de poluentes. Em Recife, urbanização de dois trechos das margens do Rio Capibaribe com jardins filtrantes e barco solar para travessia; três Micro-estações de Monitoramento Climático.

 

Plataforma do PCS e do Observatório de Inovação: ambiente web com disponibilização de tecnologias, indicadores soluções inovadoras, boas práticas e muitas outras ferramentas para gestores públicos e sociedade em geral. As lições aprendidas com os projetos pilotos também estarão na plataforma.

 

A implantação de todas as ações ocorre simultaneamente e envolve MCTIC, ONU Meio Ambiente, Secretaria do Meio Ambiente (SEMA/GDF), em Brasília, Agência Recife para Inovação e Estratégia e Núcleo de Gestão do Porto Digital (ARIES/Porto Digital), em Recife; e Centro de Gestão e Estudos Estratégicos (CGEE) e Programa Cidades Sustentáveis (PCS).

 

Fonte: Portal MCTIC

 
free poker
logo_rodape
Agência de Inovação da UFSCar - Rodovia Washington Luís, km 235 - Caixa Postal 147 CEP: 13565-905
São Carlos, SP - Brasil - Tel: (16) 3351.9040 - inovacao@ufscar.brmaps
mapa